Ismael Crispin pede mais atenção à saúde mental dos profissionais de educação

Após dois anos da declaração do estado de pandemia e diante do retorno das aulas presenciais, o deputado Ismael Crispin fez uso da tribuna na sessão ordinária desta terça-feira (15) para pedir mais atenção à saúde mental dos profissionais de educação.

“Precisamos olhar para o ser humano, para o profissional de educação. Com a pandemia, muitos problemas psicológicos surgiram na rotina desses homens e mulheres que trabalham com a educação das nossas crianças e adolescentes. Eles vão receber alunos que perderam pai, mãe, avó, tia, tio, amigos, vizinhos, mas eles também perderam entes queridos e tiveram que enfrentar muitas dificuldades para continuar levando o conhecimento para os nossos filhos pela tela de um celular ou computador”, disse.

O deputado apontou ainda que esses profissionais deveriam estar resguardados pela Lei Federal 13.935, que dispõe sobre a prestação de serviços de Psicologia e de Serviço Social nas redes públicas de educação básica. “Contudo, essa lei não está sendo aplicada no nosso Estado e em diversas oportunidades apresentamos para o secretário de Educação a necessidade de providenciar com urgência criação dos cargos de Psicólogo e Assistente Social para atuarem nas escolas do Estado e mais uma vez, estamos reforçando a necessidade de investir no apoio emocional e psicológico dos nossos professores”, finalizou Ismael.

Texto: Laila Moraes
Produção: Mega Publicidade

Laila Moraess

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

¡Fazendo o bem  acontecer para você!

Se inscrever

© 2021, Deputado Ismael Crispin. Todos os direitos reservados.